TRILHAS DE GAMES

By Daniel Benedetti - novembro 05, 2019



Por André Kaminski, do site Consultoria do Rock

Jogo videogame desde os 5 anos, quando lá no longínquo ano de 1991, ganhei um Phantom System, um dos muitos clones brasileiros do NES de aniversário. No começo, preferia ver meus pais jogando Super Pitfall, Gauntlet e tantos outros. Pouco tempo depois, era eu entrando neste universo do qual, apesar de não jogar tanto quanto antes, ainda acompanho. Tenho a Nintendo ainda como minha empresa favorita e seus jogos e franquias ainda me proporcionando muito prazer.

Depois de adquirir meu gostos musicais ali pelo final da adolescência, fui percebendo o quanto as músicas de diferentes jogos me agradavam e quanta diferença faziam no meu apreciar deles. Composições marcantes, ritmos alucinantes e hipnóticos e mesmo uma técnica incrível por parte de seus compositores, venho humildemente neste site convidado pelo nosso querido amigo Daniel para volta e meia dar algumas contribuições de textos relacionando algumas sugestões de músicas que me marcaram ou discos e trabalhos que se encaixam melhor aqui do que na Consultoria do Rock, ao qual o nosso ilustríssimo Daniel também faz parte e vem contribuindo de maneira brilhante (incluindo o fato de que desde o começo do ano com suas contribuições, tivemos um aumento expressivo nas views do site, ao qual seremos eternamente gratos a ele).


Esta matéria nada mais é do que 5 sugestões de músicas de jogos dos quais aprecio com alguns breves comentários meus em cada um dos vídeos. Fiquem à vontade para opinar e darem também as suas sugestões!

Resident Evil: Code Veronica – A Moment of Relief


A franquia Resident Evil é cheia de músicas marcantes e muitas outras aparecerão em futuras matérias. Esta é uma peça simples de piano, sinos e sintetizador que traz uma paz maravilhosa nas safe rooms de um jogo difícil e que exige bastante do jogador. Não é raro eu estar em um momento tenso e ligar nessa canção para relaxar e sentir um alívio após um dia atarefado de trabalho.


Final Fantasy (franquia) – Preludes


Com tantos jogos, a franquia é recheada de músicas excepcionais vindas do sempre caprichado time de som da Square/Squarenix. Os “preludes” também são uma peça simples de se tocar visto que é basicamente indo pelas teclas da esquerda para direita em um piano indo e voltando. Mas em conjunto com uma melodia linda após tantas idas e voltas, a canção se torna um marco famoso daqueles RPGs fantásticos que cada um dos jogos nos proporcionam e que continua com uma base de fãs gigante e exigente com cada jogo lançado sendo uma espécie de “evento de Copa do Mundo” para eles. Daqui, o meu “prelude” favorito é o de Final Fantasy VI.


Sonic CD – Stardust Speedway Zone



Uma música de uma vibe noturna, com uma pegada de barzinho norte-americano de Las Vegas. Me passa a impressão de estar em uma boate chique cheia de mulheres lindas, drinks deliciosos e uma atmosfera sexy e de diversão. Groovy até dizer chega!


Mega Man X – Storm Eagle Stage



Estava faltando uma pegada mais heavy metal nesta seleção. Há incontáveis guitarristas no youtube fazendo suas versões pesadas para este clássico da franquia que em todos os jogos possuem trilhas marcantes. Fico imaginando se alguma banda pegasse esses riffs e botasse uma letra lá nos anos 80 e 90. Certeza que era sucesso garantido.


Fire Emblem: Three Houses – Chasing Daybreak



Esta é recente e saiu agora em julho de 2019. Fire Emblem é a minha franquia de jogos favorita de todos os tempos e esta música pela sua epicidade e temática de fantasia medieval me fisgou na hora. Ouvi incontáveis vezes e dentro do jogo, te faz imergir dentro de uma atmosfera de combate de rpg medieval perfeito. Fire Emblem sempre caprichou em suas músicas e esta se tornou a minha favorita da série.

  • Compartilhe:

PUBLICAÇÕES RELACIONADAS

3 comentários

  1. Primeiramente, seja bem-vindo, meu amigo André. É uma honra ter você por aqui e com esta belíssima estreia.

    Quanto ao post, eu tive um Mega Drive e lembro bastante das trilhas do Sonic e do Super Shinobi III. Ótima pauta, André!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado Daniel. O número de músicas marcantes e inesquecíveis é muito alto, esta é apenas uma pequena parcela de algumas que recomendo. Por sinal, o Mega Drive foi um console especial neste quesito musical pois ele possuía uma placa de som que funcionava como um sintetizador próprio e que simplesmente não havia nenhum outro instrumento no mundo que pudesse simular aquela sonoridade! Ou seja, tudo de música que era lançado para o console, tinha efeito e sonoridade única até hoje.

      Excluir
    2. Olha que interessante esta informação sobre o Mega Drive! Eu nunca soube disso. Ele teve vários jogos que me marcaram bastante, inclusive pelas trilhas.

      Excluir